As Alucinações de Serguei

Serguei e Janis Joplin

Vcs gostam de Wanderléia? Nãoooooooooooooooooooo
Vcs gostam do Rei Roberto Carlos? NÃOOOOOOOOOOOOOOO
Vcs gostam de Serguei? Cric, cric, cric – silêncio………………..Então eu vou cantar as minhas alucinações!

(trecho de “As Alucinações de Serguei”)

Sergio Augusto Bustamante de pai e mãe… Serguei por vontade própria (“apelido” que ganhou de um amigo russo na infância), o maior outsider do rock nacional, como já disse Kid Vinil, Nelson Motta e muitos outros… UMA BICHA LOUCA, segundo a quase tão louca, ou mais – o amigo Zeca Jagger.

“É impossível contar a historia do rock sem envolver a figura de Serguei, pois foi num festival de rock em Long Island que conheceu Janis Joplin em 1968. Depois viu Jim Morrison tomando coloridas pílulas de Sunshine enterrado num sofá da sala do Motel “La Cienega Boulevard”; e ainda conheceu de perto Jimi Hendrix em Las Vegas. Mas a glória mesmo foi reencontrar Janis em 1970 para uma canja em seu show na boate New Holliday, no Porão 73 no bairro do Leme, Rio de Janeiro.” Luiz Calanca

Pois é, ele é psicodélico – como diz em sua própria música. Entrou para a galeria dos eternos, completa 73 anos em novembro e continua com alma de rock star! Não tem uma pessoa que tenha convivido com ele que não fale nada deste ícone. Era esse o papel dele… ser um personagem – e isso ele fez e continua fazendo muito bem até hoje!

Luiz Carlos Maciel, considerado o guru da contracultura, participou da entrevista coletiva de Janis Joplin (“melhor amiga de infância” de Serguei) aqui no Brasil – ele trabalhava no Pasquim. “Ah superstar, (Janis Joplin) era superstar! Já estourado em 67 e já tinha tido o Woodstock. Aqui (no Brasil) quem conhecia Janis Jopllin eram os fãs, Hélio Oiticica… Eu sentei lá na mesa e quando ela apareceu Hélio Oiticica disse assim: Não entendo como esses caretas dizem que essa mulher é feia? Essa mulher é lindíssima, então pra quem estava ligado ela era lindíssima, uma grande estrela, adoravam a JJ, agora quem não era ligado, nem sabia quem era, ela foi barrada num bar aí, no flag.”

E quem conta essa história com detalhes é ninguém menos que Serguei – amigo da moça – em entrevista à Revista Trip: “Nessa época, eu cantava num buraco chamado New Holliday, no porão 73 do Leme, Copa. Cantava coisas como ‘Satisfaction’ e ‘Tropicália’, abria o show da Darlene Glória. Quis levar a Janis lá. O gerente, um português, barrou-a na porta: ‘Esta mendiga imunda não pode entrar aqui’. Imagine, num bar de putas a Janis foi barrada! Briguei com o português e ela acabou entrando. Alcione estava cantando ‘Upa neguinho’. A Janis logo sentou e pediu vodca – sabe, quando você toma metadona dá muita vontade de beber vodca, e ela fazia tratamento com metadona, na época, pra sair fora da heroína. Tinha uma bandinha tocando, subi no palco e falei ‘com vocês, a maior cantora de todos os tempos’. Pedi para os caras a acompanharem, mas eles não sacavam a música, ficaram nervosos. Então ela soltou a voz e cantou ‘Ball and chain’. Meu Deus (Serguei emociona-se, chora)… O canto dela era sublime! A boate toda se levantou. Alcione gritou desvairada. Tony Tornado, que também se apresentava ali, tremia todo, sem camisa. O português se ajoelhou aos meus pés e pediu: ‘Puta que pariu! Como fui barrar essa maluca? Dá na minha cara, que eu mereço!’. Logo em seguida, ela cantou ‘What I’d say’, do Ray Charles. Foi lindo, a glória, uma loucura total. A boate inteira nos mandava bebida.”
Glamour e pagamento em álcool! Este é SERGUEI!

Pra quem quiser ouvir um “The Best Of” do moço:
http://app.radio.musica.uol.com.br/radiouol/linklista.php?nomeplaylist=007529-2%3C@%3ESerguei&opcao=umcd#

Pra quem quiser VER como anda este setentão histórico, um vídeo:

One Comment on “As Alucinações de Serguei”

  1. Tatiana disse:

    hehehehe, serguei era um ser a frente do seu tempo… muito em comum com as bichas atuais, com a única diferença de que ele gostava de rock e as de hoje curtem psy…

    muito foda


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s