Sem barato

Tá, é um mês de atraso, mas vale o registro: o Som Barato. O blog funcionou por quase dois anos, dispinibilizando mais de 2 mil (!) discos para download. Tinha de tudo: blockbusters, raridades, sambas, psicodelias, rocks, xaxados, de novos e velhos, de grandes e pequenos. Sem mais nem menos, alegando pirataria, a justiça fechou o blog. Acabou com a farra. Farra no bom sentido: quase um milhão de pessoas usavam o blog para se informar sobre música e conhecer novos sons. Essas pessoas vão dixar de fazer donwloads? Não, vão usar o emule, soulseek ou qualquer outro blog. É idiotice pensar que fechar um blog acabará com a transferência ilegal de músicas, porque isso já faz parte da internet! Ou a justiça revê a legislação ou vai ficar assim, enxugando gelo, para sempre.

Não é preciso nem dizer que esse blog e o nosso livro só existem porque pesquisadores musicais – como o Fábio do BrNuggets – dedicaram tempo para achar bolachas raras e disponibilizá-las na net. Quantas pessoas, antes disso, ouviam Ave Sangria? Colocar esses sons na rede só democratizou o acesso a uma coisa bacana que estava restrita aos poucos sortudos que tinham as bolachas.

E se fechassem o nosso blog também, só porque damos os links dos downloads?
Todo o trabalho de pesquisa e jornalismo aqui seria perdido, por uma arbitrariedade idiota. O que consola é que os próprios músicos – a maioria dos bons, felizmente – já percebeu que lutar contra a internet não leva a lugar nenhum.

Para protestar contra o fechamento do blog, o pessoal do Som Barato criou esse blog aqui: www.sembarato.blogspot.com.

Leia aqui entrevista (antiga) com Nruno Rodrigues, idealizador do Som Barato, aqui.

UPDATE: Entrevista muitíssimo pertinente com Lawrence Lessig,
criador do Creative Commons, publicada hoje na Folha Online.

Tati


One Comment on “Sem barato”

  1. Luciano disse:

    Concordo plenamente com o exposto.
    A Internet mudou meu modo de escutar músicas e entendo os sites de Download de músicas teve uma contriuição fundamental para isso.
    Nunca vou deixar de baixas músicas pela internet não só pela comodidade de baixar músicas em casa mas que encontro “quase” tudo que quero !
    Eu tenho um exemplo claro da importância da Internet para a melhoria no nível de conhecimento, estava procurando um disco do Zé Rodrix e fui direto no SomBarato, era frequentador assíduo e realmente acho que os Blogs fazem um papel social inclível, aprendi muito sobre a música brasileira nos blogs, principalmente no SomBarato, mas como o SomBarato não estava funcionando não gastei mais de 05 minutos para encontrar o disco que queria.
    Viva a liberdade da Internet !
    Viva os Blogs !

    Na Internet temos a


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s